Você está aqui: Página Inicial / Internacionalização / Informações Gerais

Informações Gerais

UFSCar é uma universidade que se destaca pela excelência no trabalho de pesquisa e na rigorosa formação de pesquisadores através de seus Programas de Mestrado e Doutorado. Com vários programas bem consolidados, a divulgação e expansão de suas atividades para além das fronteiras brasileiras merece atenção especial e demanda incentivos.

A Pró-Reitoria de Pós-Graduação procura fornecer informações e dar suporte ao estabelecimento de acordos de cooperação com programas de pós-graduação internacionais, visando a divulgação e o incrementos das atividades de pesquisa e formação de pesquisadores. Além dos acordos e convênios diversos, procura-se também incentivar os estágios de docentes e discentes em outros países, assim como aprimorar as condições de recepção de alunos estrangeiros nos nossos programas de pós-graduação.

Para isso, conta com o apoio da Administração, dos Centros e Departamentos, dos Coordenadores de Pós-Graduação e dos Docentes e Discentes interessados. O apoio à internacionalização das atividades de pós-graduação tem sido intensificado pela CAPES, principal órgão do Ministério da Educação referente à Pós-Graduação. A inserção internacional dos programas tem sido incentivada e consiste num dos tópicos que atestam a excelência dos centros de formação de mestres e doutores. A CAPES, o CNPq e a FAPESP possuem diversas alternativas de fomento aos estágios internacionais, expressando o objetivo almejado pelos pesquisadores e professores brasileiros: desenvolver as atividades da pós-graduação brasileira no contexto mundial, através do suporte aos os grupos de pesquisa por meio do intercâmbio internacional, buscando a excelência da nossa pós-graduação.

 

  • Cooperação Internacional da CAPES: Desenvolver as atividades da pós-graduação brasileira no contexto mundial. A Cooperação Internacional da CAPES busca apoiar os grupos de pesquisa brasileiros por meio do intercâmbio internacional, buscando a excelência da nossa pós-graduação.

 

  • Cooperação Internacional do CNPQ: Na CGCIN - Coordenação-Geral de Cooperação Internacional do CNPq, a cooperação científica e tecnológica internacional é empreendida por meio do apoio à mobilidade de pesquisadores no desenvolvimento conjunto de pesquisas, a capacitação em alto nível de recursos humanos, além de participação em organismos internacionais.

 

  • Cooperação Internacional da FAPESPA FAPESP conta com um grande número de acordos com agências de fomento, instituições de pesquisa e empresas estrangeiras, para selecionar e cofinanciar pesquisas colaborativas. As oportunidades de financiamento relacionadas a cada um destes acordos são anunciadas no site da FAPESP (www.fapesp.br/chamadas).